+55 (48) 3255-0550

Dia de Campo voltado ao trigo destaca importância do condicionamento do solo

Um dos temas de destaque da programação é a adubação e fertilidade do solo para melhorar a produtividade do cereal

Dia de Campo Erechim

Um dos cereais mais cultivados e consumidos no mundo, o trigo é foco do 2º Campo Tecnológico de Inverno da Cooperalfa, que acontece nesta terça-feira, dia 30, a partir das 14 horas, na comunidade de Capoerê, em Erechim (RS). Apesar de ser uma das principais culturas de inverno no país, a produção de trigo no Brasil ainda é insuficiente para atender o mercado interno. Atualmente, o Rio Grande do Sul ocupa a segunda posição na produção nacional do cereal, atrás do Paraná.

O evento, que deve reunir cerca de 400 produtores e interessados na cultura do trigo, vai demonstrar aspectos importantes para melhorar a produtividade e a qualidade do cereal nas lavoras, como o manejo de doenças, erros e acertos da safra de trigo 2018 - estimada pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater/RS) em 2,06 milhões de toneladas.

"O evento é voltado ao trigo, então vamos destacar a importância de cada cultivar para uma farinha em específico, por exemplo. Também vamos abordar alguns investimentos importantes a serem feitos no campo antes da chegada do trigo nos silos, projetos de conservação do solo, e, também, teremos demonstrações sobre o tema fertilidade de solo, com uma trincheira para mostrar a importância de se corrigir perfil de solo, utilização de gesso agrícola granulado e correção de nutrientes", destaca o supervisor técnico da Cooperalfa, Juliano Mezzalira.

Para falar aos produtores sobre fertilidade e perfil do solo, estará presente o especialista em solo e nutrição de plantas, Eduardo Silva e Silva, que também é diretor técnico da SulGesso, referência nacional em fertilizantes minerais à base de cálcio e enxofre. O engenheiro agrônomo abordará a importância de equilibrar os nutrientes presentes no solo para otimizar a produção, demonstrando na prática os benefícios dos insumos aplicados à lavoura.

O trigo, embora seja uma planta adaptável a diferentes tipos de solo, necessita de um solo com fertilidade média e que não seja muito ácido ou mal drenado, isso para desenvolver todo seu potencial produtivo. "Entre os principais desafios enfrentados nas lavouras, o combate ao alumínio tóxico é primordial, visto que afeta negativamente as culturas, sobretudo na região noroeste do estado. Para combater esse vilão e propiciar uma correta construção de fertilidade do solo, o cálcio e o enxofre se destacam como nutrientes essenciais", afirma o engenheiro agrônomo e especialista.

A SulGesso mantém parceria há mais de quatro anos com a Cooperalfa, que distribui seus produtos no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Para o supervisor técnico da Cooperalfa no Alto Uruguai, Juliano Mezzalira, o sucesso da parceria está no compartilhamento de conhecimento e tecnologia. "Nosso objetivo é levar conhecimento e tecnologia aos nossos cooperados e a SulGesso é uma empresa que se identificou com a filosofia. Além disso, o SulfaCal, fertilizante mineral à base de sulfato de cálcio, é o produto com a maior quantidade de enxofre e cálcio que existe no mercado, além de oferecer resultados práticos", acrescenta Juliano.

Los comentarios están cerrados.